Entrevista com a Gestão da Shwarcz


O que a certificação trouxe para a propriedade e para o negócio dos Swcharcz!

A história do Grupo Schwarcz , localizado em Jaíba/MG, tem o início no final da década de 90, quando o sócio Luiz Schwarcz investiu suas economias em uma fazenda de bananas no Projeto Jaíba, maior projeto de irrigação da América Latina. Foram adquiridos os primeiros 50 hectares para o plantio de banana prata. Com o passar dos anos, a propriedade cresceu quando o sócio Davi Schwarz se juntou ao empreendimento e a partir daí não parou de crescer.

Eliane Amaral ( Diretora Executiva), Edmilson de Souza (Gerente da Fazenda), Paulo (Agrónomo) e a Silvani (Administrativo), entrevista ao consultor Márcio Mitidieri, relatam um pouco sobre a trajetória do Grupo Schwarcz na Certificação: aprendizagem, desafios e superação.

Eliane Amaral (Diretora executiva) , fala sobre o que mudou na propriedade com a certificação:" ...mudou muito, principalmente no que tange o controle. Hoje conhecemos a nossa fazenda, mais detalhadamente e com mais informações que o hoje conseguimos manter por meio das próprias normas que a certificação nos garante.".

Edmilson de Souza, com sua experiência na gerência, mostra como foi levar a certificação para os funcionários. Diz que no inicio foi trabalhoso clarear a mente dos funcionários em relação as necessidades de aprender e se adequar as exigências das normas.

Paulo, relata como são realizadas as anotações diárias, MIP e receituário e foca a importância disso para trazer um bom resultado para a empresa e agregar valor de qualidade. O MIP trabalha com o monitoramento das pragas e doenças, evitando uso excessivo de agrotoxicos - fazendo o controle rigoroso das aplicações. Faz menção ainda, ao uso de produtos registrados, que é importante para o consumidor garantindo segurança alimentar.

Eliane Amaral, quando perguntada sobre a consciência do consumidor sobre a diferença de um produto certificado de um produto não certificado, menciona que ainda vê com certa tristeza. É realizado um trabalho árduo que onera custos, mas quem esta na "ponta" do processo, ou seja, o consumidor final, não enxerga a grandeza, a parte boa da certificação, que é levar produtos de qualidade. Na hora da compra o consumidor ainda acaba optando pelo produto mais barato sem ver que o selo traz a garantia de qualidade.

Hoje, cerca de 20% das propriedades no Brasil são certificadas.,

Você que deseja comprar um produto, que tenha segurança alimentar, dê preferência aos produtos certificados, pois assim você garante que não esta contribuindo com nenhum crime ambiental, ou seja, a fazenda que é certificada cumpre com a legislação trabalhista, social e ambiental.



0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo